Manuel Chang solicitado para audição pela PGR

 

Manuel Chang solicitado para audição pela PGR

O antigo Ministro das Finanças (2010-2014) e actualmente Deputado da Assembleia da República, Manuel Chang, será ouvindo amanhã (sexta-feira), pela Procuradoria-Geral da República (PGR), no âmbito da recolha de informação sobre a divida oculta.

De acordo com um documento da PGR , assinado por Beatriz Buchili, Procuradora Geral da República, no qual requisita Manuel Chang para uma audição com o objectivo de verificar a existência de infracções de natureza criminal, determinar, em caso afirmativo, os seus agentes a averiguar a sua responsabilidade no processo de constituição, financiamento e funcionamento da EMATUM – Empresa Moçambicana de Atum, SA; MAM – Mozambique Asset Management, SA e Proindicus, SA”, clarifica o documento.

A dívida contraída pela Empresa Moçambicana de Atum (Ematum), no valor de 850 milhões de dólares, foi despendida na aquisição de navios de pesca e respectivos equipamentos (350 milhões de dólares) e na protecção costeira (500 milhões de dólares).

No mesmo lote da divida que não foi comunicada à Assembleia da República, o governo emitiu garantias a favor dos empréstimos contraídos pelas empresas Proindicus no valor de 622 milhões de dólares e Mozambique Asset Management (MAM) no valor de 535 milhões de dólares.

A Proindicus foi criada para prestar serviços de segurança às empresas de hidrocarbonetos, embarcações marítimas e tráfego para além de fornecer serviços de busca e salvamento e a MAM para prestar serviços à Proindicus e outras empresas para evitar a saída de divisas para a manutenção e reparação destas embarcações.

Folha de Maputo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *