“O diálogo é chamado na busca de solução e fim desses ataques”, diz Chissano

“O diálogo é chamado na busca de solução e fim desses ataques”, diz Chissano

O antigo Presidente moçambicano Joaquim Chissano defendeu que o “tão desejado encontro” entre o chefe de Estado de Moçambique e o líder da Renamo, que está “em preparação”, proporcionará “um compromisso que restitua a tranquilidade” ao país.

“Hoje, constatamos que a paz está novamente ameaçada em Moçambique, através da ocorrência de ataques perpetrados por homens armados da Renamo, na zona centro do país. Mais uma vez, o diálogo é chamado na busca de solução e fim desses ataques“, sustentou o antigo Presidente, em Lisboa, durante a entrega do prémio Norte-Sul 2015 do Conselho das Europa, de que foi um dos laureados.

Chissano recordou que está “em preparação” um encontro entre o Presidente de Moçambique, Filipe Nyusi, e o líder da Renamo, Afonso Dhlakama.

“Acredito que deste tão esperado encontro sairá o compromisso que restitua a tranquilidade aos moçambicanos e lhes devolva o espaço que precisam para continuar a gozar plenamente os seus direitos humanos e intensificar a sua luta contra a pobreza“, sublinhou.

Notícias ao Minuto

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *