Donald Trump diz que nao vai aceitar nem sequer um dolar do salario como presidente

A campanha de Donald Trump à presidência dos EUA ficou marcada pelas promessas controversas do candidato, de que são exemplo o muro na fronteira entre os EUA e o México, ou a deportação de imigrantes ilegais do país. porém, há, ainda, uma outra de significado simbólico que muitos podem ter ignorado e que vale a pena recordar.

Em setembro de 2015, num curto vídeo de respostas a perguntas feitas por eleitores no Twitter, o então candidato à nomeação do Partido Republicano afirmou que não queria receber “nem um dólar” se fosse eleito.

“No que toca ao salário, não vou querer nem um dólar se for eleito presidente”.

A promessa é credível, já que Donald Trump é um multimilionário, que certamente não entrou na corrida à Casa Branca pelo dinheiro que a presidência lhe pode trazer. No entanto, vale ressalvar que no mesmo vídeo, Trump afirmou que não tinha intenções de aceitar contribuições para a sua campanha, o que acabou por não acontecer.

“Vou financiar a minha própria campanha, vou aceitar apenas contribuições pequenas, porque gosto quando as pessoas se envolvem e investem nas campanhas, mas não vou aceitar as grandes [doações]”.

Como escreve o Business Insider, Donald Trump financiou grande parte da sua campanha durante as primárias, mas começou a angariar doações para a campanha e para o Partido Republicano, depois de conseguir alcançar a nomeação para candidato à Casa Branca.

Donald Trump foi eleito presidente dos Estados Unidos, esta terça-feira, derrotando a candidata favorita Hillary Clinton. O multimilionário, que ficou conhecido pelo sucesso no ramo do imobiliário e pelo reality-show “O Aprendiz” vai suceder a Barack Obama a partir de janeiro do próximo ano.

Tvi24

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *