TRAC agrava tarifas de portagens de Maputo e Moamba a partir de 1 de Julho

A sul-africana TRAC, concessionária da Estrada Nacional Número quatro (N4), vai agravar as tarifas das portagens de Maputo e Moamba com efeitos a partir de 1 de Julho.

Desta forma, na Portagem de Maputo, os veículos da classe 1 – motociclos e carros ligeiros com ou sem atrelado – passam a pagar 30 meticais, contra os 25 actuais. Para os veículos de classe 2 – carga média com até dois eixos – a tarifa será de 100 meticais contra os actuais 85 meticais.

Para a classe 3 – destinados à carga pesada, com três ou quatro eixos – e da classe 4 – veículos de carga pesada com cinco ou mais eixos, as novas tarifas são 350 e 500 meticais, respectivamente, contra 220 e 370 meticais actuais.

Na Portagem da Moamba, as tarifas passam a ser de 150, 380, 1100 e 1500 meticais para os veículos de classe 1, 2, 3 e 4, respectivamente. Actualmente, os veículos pagam 135, 330, 850 e 1100 meticais.

A TRAC revela que os ajustamentos das tarifas deviam ser numa base anual, mas para os veículos de classes 1 e 2 a TRAC não agravava os valores desde 2013. Para as classes 3 e 4, a última subida de preços foi em 2014.

Entretanto, as taxas descontadas das viaturas dos transportes semi-colectivos e público de passageiros não serão alteradas. Os carros de classe 1 continuarão a pagar 15 meticais em Maputo e 81 meticais na Moamba. Para classe 2, as tarifas são 51 meticais e 198 em Maputo e Moamba, respectivamente.

A TRAC avança que o ajustamento das tarifas de portagens visa, entre outros aspectos, garantir verbas de manutenção da estrada e garantir a qualidade e segurança necessárias para os utentes e permitir que o Governo encaixe dividendos com vista a materialização de vários projectos.

Opais 

Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *