A Policia República de Moçambique (PRM) diz que os homens da Renamo devem entregar as armas

A polícia da República de Moçambique (PRM) diz estar preocupada com a permanecia de armas nas mãos de homens da Rena­mo, e entende que, as forças residuais do partido do Afonso Dhlakama devem entregar de forma voluntária as armas, tal como fez o seu líder.

Está posição foi defendida on­tem, pelo comando-geral da polícia na cidade de Maputo, que falava em torno dos últi­mos confrontos entre a Rena­mo e as forças governamentais, que tiveram lugar nas provín­cias da Zambézia e Tete.

Neste aspecto, o porta-voz do comando-geral da PRM, (ironi­zou) ao dizer que, “o processo de recolha de armas começou com o próprio líder que entre­gou até a arma de defesa pes­soal e ”, disse, que acrescentou dizendo que era necessário que de forma contínua e volunta­riamente todos os homens da Renamo, que se encontram em outros pontos do país, entregas­sem as armas e se reintegrassem nas fileiras governamentais. Infelizmente não temos vindo a notar essa entrega e como policia o nosso compromisso é evitar que as armas estejam em mãos alheias, em em particular nas mãos dos homens da Renamo rematou.

Sobre os confrontos militares de Tete e Zambézia a policia diz não ter dados sobre quantos homens foram mortos e feridos uma, uma vez que os confrontos acontecem nas matas, os poucos dados são denunciados pela população conclui o Porta voz da PRM

Equipa do Infromoz

Infromoz é o seu Portal de notícias, entretenimento, moda música, videos tutoriais e publicidades. O nosso objetivo é deixar o publico bem atualizado com as últimas notícias vídeos e muito mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *