Graça Machel defende que deve haver um esclarecimento rápido da divida que o Governo contraiu

Loading...

Graça Machel defende que deve haver um esclarecimento rápido da divida que o Governo contraiu

A situação da dívida contraída pelo país, nos últimos tempos, continua a ser o centro de acesos debates sobre a economia nacional. Sem querer se excluir desse debate que questiona o futuro do país, Graça Machel interveio hoje a defender que deve haver um esclarecimento rápido da divida que governo moçambicano contraiu. Para Machel, é urgente que o Governo esclareça a totalidade da divida e em que circunstancias foi contraída, pois, caso contrário, a imagem do país vai desmoronar.

“Neste momento ainda não sabemos qual é a totalidade da dívida que temos. Penso que o primeiro passo é conhecermos o volume da dívida e em que condições foi feita, para que se saiba como lidar com a mesma. O que é preocupante é que o país deixou de ser uma referência, e agora as notícias dizem que Moçambique é dos piores exemplos que se podem encontrar em matérias de contrair e gerir a dívida”, frisou a patrona da FDC.

Ainda na sua intervenção, Graça Machel não deixou de se referir às viagens do executivo moçambicano a Washington e a Europa. Na sua opinião, quer o Presidente da República quer o Primeiro-Ministro devem trazer do estrangeiro respostas ao problema que afecta a todos os moçambicanos.

“O Primeiro-Ministro está em Washington com uma equipa muito forte. O Chefe de Estado está na Europa e vai esclarecer estas coisas… penso que estamos todos a trabalhar. Em vez de apontarmos o dedo uns aos outros, temos que olhar para a produção interna, particularmente a produção de alimentos. Penso que esta é a primeira prioridade. Vai-se tratar da dívida, mas temos de produzir. Sem isso, entraremos numa crise ainda maior.”

Graça Machel falava hoje em Maputo à margem da Reunião Regional do Fundo Global, um evento que junta profissionais e organizações de vários países que lidam com o sector da saúde.

Opais

Jacinto G. Manusse

É um Empreendedor e Consultor de Marketing Digital que dedica a sua vida à produção e partilha de conteúdos de grande qualidade, contando já com alguns dos mais reconhecidos blogs em Moçambique.

One thought on “Graça Machel defende que deve haver um esclarecimento rápido da divida que o Governo contraiu

  • Abril 22, 2016 at 4:59 am
    Permalink

    La diz o ditado ” quem nao deve, nao teme ” como e’ que a frelimo nao quer que haja esclarecimento da divida no parlamento? A divida nao e’ so da frelimo e’ de todos Mocambicanos e ja se sente na pele de cada um os contornos destas dividas com destinos ” desconhecidos”. O povo mocanbicano merece ser respeitado por este governo de recordes negativos….

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *