PRM vai impedir qualquer foco de manifestação ilegal contra dívidas do Estado

Loading...

PRM vai impedir qualquer foco de manifestação ilegal contra dívidas do Estado

A Polícia da República de Moçambique (PRM) afirmou ontem que irá reprimir qualquer foco de marcha ilegal que está a ser convocada através de mensagens nas redes sociais, contra a recente descoberta de avultadas dívidas secretamente contraídas pelo Estado.

A Polícia encontra-se a trabalhar e está pronta para reprimir qualquer marcha ilegal que possa pôr em causa a ordem pública, disse o porta-voz da Polícia da República de Moçambique (PRM) na habitual conferência de imprensa de balanço da semana.

Com a recente descoberta de avultadas dívidas, contraídas à revelia da Assembleia da República, circulam nas redes sociais mensagens convocando manifestações, algumas das quais convidando os moçambicanos a “paralisarem o país”, entre os dias 03 e 07 de Maio, datas que coincidem com a visita do Presidente da República Portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa, a Moçambique.

O porta-voz da PRM na cidade de Maputo garantiu que a corporação está pronta para garantir a ordem e segurança, condenando as pessoas que “usam as redes sociais para alimentar intrigas”.

“A polícia condena, veementemente, estes indivíduos que estão a alimentar boatos e desordem pública”, reiterou o porta-voz da PRM. [FI]

Jacinto G. Manusse

É um Empreendedor e Consultor de Marketing Digital que dedica a sua vida à produção e partilha de conteúdos de grande qualidade, contando já com alguns dos mais reconhecidos blogs em Moçambique.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *