Renamo e seu líder estão a desvalorizar a vida humana- Joaquim Chissano

Loading...

O antigo presidente da República, Joaquim Chissano, considera que a Renamo e o seu líder, Afonso Dhlakama, estão a desvalorizar a vida humana e a comprometer a agenda nacional de desenvolvimento.

Chissano falava, este domingo, em exclusivo á Rádio Moçambique, em torno do ataque armado contra jornalistas em Báruè-Manica.

“ Se sabiam que eram jornalistas, então o crime torna-se pior, porque nem sequer permitiram esses jornalistas de servir a sua própria causa. Porque se eles estão revoltados por qualquer coisa, essa qualquer coisa, tem que ser conhecida através da comunicação social. Ora, se eles calam a boca a essa comunicação social, estão a agir mesmo contra eles próprios; estão a agir conta o povo moçambicano que privam de informação e a eles próprios. Porque ninguém sabe o que o jornalista iria trazer a lume; se calhar seria algo em benefício a eles próprios, eles não sabem”, frisou o antigo presidente da República, Joaquim Chissano.

Jacinto G. Manusse

É um Empreendedor e Consultor de Marketing Digital que dedica a sua vida à produção e partilha de conteúdos de grande qualidade, contando já com alguns dos mais reconhecidos blogs em Moçambique.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *