Renamo está a trabalhar para retirar seus homens armados posicionados em Funhalouro e Mabote

Loading...

A Renamo em Inhambane diz que está a trabalhar para retirar, o mais urgente possível, os seus homens armados posicionados nas matas dos distritos de Funhalouro e Mabote.

A iniciativa é desencadeada em resposta ao Acordo de Cessação das Hostilidades militares, assinado em Gorongosa, Sofala.

A Renamo em Inhambane, entende ser fundamental que o processo de desarmamento, desmobilização e reintegração dos homens armados termine ainda este mês, para permitir a realização de todas as actividades relacionadas com o processo eleitoral num clima de paz.

O chefe de mobilização da Renamo, em Inhambane, Abelardo Guambe, disse que o fim do processo de desarmamento, desmobilização e reintegração dos homens armados, vai incentivar os eleitores a afluírem aos postos de votação, contribuindo para a fortificação da democracia em Moçambique.

RM

Jacinto G. Manusse

É um Empreendedor e Consultor de Marketing Digital que dedica a sua vida à produção e partilha de conteúdos de grande qualidade, contando já com alguns dos mais reconhecidos blogs em Moçambique.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *